Uma Família Inglesa – Júlio Dinis

Uma Família Inglesa – Júlio Dinis

Uma Família Inglesa conta a história de amor conflituosos entre Carlos Whitestone – filho de uma família de comerciantes ingleses – e de Cecília, a filha do guarda-livros na casa comercial dos Whitestone, num romance que tem como pano, a cidade do Porto do século XIX e que tem um um enredo similar ao da Cinderela.

Inicialmente aparecido em folhetins com o título Uma Família de Ingleses e subintitulado Cenas da Vida do Porto, este romance foi mais tarde publicado em 1868, sendo o primeiro romance publicado de Júlio Dinis.

Uma Família Inglesa é um romance exemplar da sua técnica narrativa. A ação evolui nos diversos espaços físicos e sociais portuenses, essencialmente caracterizados pelo meio comercial do Porto.

Uma Família Inglesa conta a história de amor conflituosos entre Carlos Whitestone – filho de uma família de comerciantes ingleses – e de Cecília, a filha do guarda-livros na casa comercial dos Whitestone, num romance que tem como pano, a cidade do Porto do século XIX e que tem um um enredo similar ao da Cinderela.

Inicialmente aparecido em folhetins com o título Uma Família de Ingleses e subintitulado Cenas da Vida do Porto, este romance foi mais tarde publicado em 1868, sendo o primeiro romance publicado de Júlio Dinis.

Uma Família Inglesa é um romance exemplar da sua técnica narrativa. A ação evolui nos diversos espaços físicos e sociais portuenses, essencialmente caracterizados pelo meio comercial do Porto.