Um Rastro De Fumaça – Rebecca Cantrell

Um Rastro De Fumaça – Rebecca Cantrell

Neste premiado romance, uma repórter policial vasculha os becos e cabarés de Berlim à procura do assassino de seu irmão. Berlim, 1931, o ano em que a Alemanha foi perdida para o Nazismo. Integrantes da tropa de assalto brigam nas ruas com os comunistas. Judeus ricos e intelectuais pensam em fugir do país. Excluídos sociais e sexuais lotam as famosas boates de Berlim atrás de uma última dança. Hannah Vogel vive sozinha e trabalha como repórter policial. Cumprindo uma pauta de rotina, ela encontra uma foto do corpo de seu irmão na ala dos mortos não identificados. Mas, como havia emprestado seus documentos para amigos judeus que tentavam fugir do país, não poderia identificar o corpo e abrir uma investigação pela morte do irmão. Por isso, decide ir pessoalmente à caça do assassino. Resenhas: “Narrativa audaciosa e ambientação histórica arrepiante… um contexto de rara intensidade, Hannah descreva a decadência do seu mundo sem perder a própria vida – ou a cabeça”. – The New York Times Book Review”Um corajoso retrato realista da Berlim dos anos 1930… mantendo o suspense em alta, Cantrell desempenha com sucesso a tarefa de projetar o medo da época em seus personagens. Fortemente recomendado”. – Library Journal” romance de estreia assustador… evocativo, apaixonante e irresistível”. – Kirkus Review”Cantrell revela tanto a atmosfera de ‘a vida é um cabaré ‘, quanto o desespero que existe dentro das bolhas de champanhe… uma estreia promissora”- Booklist”Ambientado em Berlim em 1931, o romance rico em pesquisa de Cantrell lança um hino fúnebre e sombrio sobre os últimos dias da Alemanha Weimar… este romance inesquecível, tão doloroso de ler, quanto a história na qual se baseia, evolui para um final acertadamente agridoce”. – Publishers Weekly”Uma história irresistível e humana que captura com brilhantismo a atmosfera de Berlim durante a ascensão dos nazistas”- Anne Perry, autora de We Shall Not Sleep, na lista dos mais vendidos do New York Times”Evocativo e assustadoramente elaborado, o mistério de estreia de Rebecca Cantrell ‘Um Rastro de Fumaça’ é um tesouro de suspense, romance e assassinato. Sua habilidade de misturar a história com uma realidade visceral desenvolve-se com maestria. Sem dúvida, o impressionante início de uma longa carreira”. – James Rollins, autor de The Judas Strain, na lista dos mais vendidos do New York Times”Abra espaço na estante para uma nova talentosa escritora chamada Rebecca Cantrell. Em ‘Um Rastro de Fumaça’, ela descreve um mistério histórico que funciona em todos os níveis. É um sucesso que não dá para parar de ler. Uma penetrante análise de uma jovem em perigo. Uma visão precisa de uma sociedade à beira da loucura. E é escrito com uma noção de clareza, ritmo e atenção aos detalhes que mostra que a autora irá produzir histórias excelentes por um bom tempo. Portanto, não perca sua estreia”. – William Martin, autor de Back Bay e Lost Constitution, na lista dos mais vendidos do New York Times”Entre no mundo divertido da Berlim de 1931, onde nada, ou ninguém, é o que parece ser… . ‘Um Rastro de Fumaça’ é de uma leitura compulsiva com todo o saboroso aparato do mundo dos cabarés, mas relatado com um conhecimento penetrante da criminalidade histórica da época”. – Sara Colleton, produtora-executiva de Dexter e ‘O Despertar de uma Paixão’.

Neste premiado romance, uma repórter policial vasculha os becos e cabarés de Berlim à procura do assassino de seu irmão. Berlim, 1931, o ano em que a Alemanha foi perdida para o Nazismo. Integrantes da tropa de assalto brigam nas ruas com os comunistas. Judeus ricos e intelectuais pensam em fugir do país. Excluídos sociais e sexuais lotam as famosas boates de Berlim atrás de uma última dança. Hannah Vogel vive sozinha e trabalha como repórter policial. Cumprindo uma pauta de rotina, ela encontra uma foto do corpo de seu irmão na ala dos mortos não identificados. Mas, como havia emprestado seus documentos para amigos judeus que tentavam fugir do país, não poderia identificar o corpo e abrir uma investigação pela morte do irmão. Por isso, decide ir pessoalmente à caça do assassino. Resenhas: “Narrativa audaciosa e ambientação histórica arrepiante… um contexto de rara intensidade, [faz com que] Hannah descreva a decadência do seu mundo sem perder a própria vida – ou a cabeça”. – The New York Times Book Review”Um corajoso retrato realista da Berlim dos anos 1930… mantendo o suspense em alta, Cantrell desempenha com sucesso a tarefa de projetar o medo da época em seus personagens. Fortemente recomendado”. – Library Journal”[Um] romance de estreia assustador… evocativo, apaixonante e irresistível”. – Kirkus Review”Cantrell revela tanto a atmosfera de ‘a vida é um cabaré ‘, quanto o desespero que existe dentro das bolhas de champanhe… uma estreia promissora”- Booklist”Ambientado em Berlim em 1931, o romance rico em pesquisa de Cantrell lança um hino fúnebre e sombrio sobre os últimos dias da Alemanha Weimar… este romance inesquecível, tão doloroso de ler, quanto a história na qual se baseia, evolui para um final acertadamente agridoce”. – Publishers Weekly”Uma história irresistível e humana que captura com brilhantismo a atmosfera de Berlim durante a ascensão dos nazistas”- Anne Perry, autora de We Shall Not Sleep, na lista dos mais vendidos do New York Times”Evocativo e assustadoramente elaborado, o mistério de estreia de Rebecca Cantrell ‘Um Rastro de Fumaça’ é um tesouro de suspense, romance e assassinato. Sua habilidade de misturar a história com uma realidade visceral desenvolve-se com maestria. Sem dúvida, o impressionante início de uma longa carreira”. – James Rollins, autor de The Judas Strain, na lista dos mais vendidos do New York Times”Abra espaço na estante para uma nova talentosa escritora chamada Rebecca Cantrell. Em ‘Um Rastro de Fumaça’, ela descreve um mistério histórico que funciona em todos os níveis. É um sucesso que não dá para parar de ler. Uma penetrante análise de uma jovem em perigo. Uma visão precisa de uma sociedade à beira da loucura. E é escrito com uma noção de clareza, ritmo e atenção aos detalhes que mostra que a autora irá produzir histórias excelentes por um bom tempo. Portanto, não perca sua estreia”. – William Martin, autor de Back Bay e Lost Constitution, na lista dos mais vendidos do New York Times”Entre no mundo divertido da Berlim de 1931, onde nada, ou ninguém, é o que parece ser… . ‘Um Rastro de Fumaça’ é de uma leitura compulsiva com todo o saboroso aparato do mundo dos cabarés, mas relatado com um conhecimento penetrante da criminalidade histórica da época”. – Sara Colleton, produtora-executiva de Dexter e ‘O Despertar de uma Paixão’.

1 comentário em “Um Rastro De Fumaça – Rebecca CantrellAdicione o seu →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *