cover

Um Pinguim na Garagem – Luís Caminha

Já todos tivemos a sensação de não nos reconhecermos ao espelho. Mas… se, além disso, reconhecêssemos outra pessoa no lado de lá?

Já todos tivemos a sensação de não nos reconhecermos ao espelho. Mas… se, além disso, reconhecêssemos outra pessoa no lado de lá? É o que sucede a Luís, personagem principal de «Um Pinguim na Garagem», que tem um dia a confirmação de que é um clone do seu pai. Ao longo do texto, vai descrevendo o desamparo e a luta inglória pelo direito à diferença, que sente ter-lhe sido roubado. E, como também refere desde a primeira página, este roubo tanto resulta do facto de ser produto de uma clonagem como da «mestria com que o pai dominou essa outra arte, bastante mais castrante e corrosiva, ancestral como a espécie humana […] e que bem se poderia chamar de clonagem educacional». Fica a mensagem: a de este meio de procriação poder vir a ser procurado, preferencialmente, por aqueles que vêem nos filhos um prolongamento, um instrumento de eternização.

Quer baixar rapidamente e sem propaganda? Torna-se nosso patrono clicando aqui

1 comentário em “Um Pinguim na Garagem – Luís CaminhaAdicione o seu →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *