A Trilogia Dupin – Edgar Allan Poe

A Trilogia Dupin – Edgar Allan Poe

Entre 1841 e 1844, Edgar Allan Poe escreveu a chamada Trilogia Dupin, protagonizada pelo excêntrico jovem francês C. Auguste Dupin. Dela constam Os assassinatos na Rue Morgue, O mistério de Marie Rogêt e a Carta Roubada. “Os Assassinatos na Rue Morgue foi a primeira história de detetive impressa, o primeiro mistério de ambiente fechado, a primeira história de ficção criminal e o primeiro exemplo de criação de perfil na literatura. Com apenas uma história, Poe criou quatro gêneros de literatura que ainda existem hoje. Que ainda são populares hoje.” . Os três contos deram a Poe fama e fortuna. Para Dorothy Sayers, Os assassinatos na Rue Morgue eram um quase completo manual de teoria e prática para detetives. Os incontáveis investigadores da literatura que se seguiram, sem exceção, entre os quais Sherlock Holmes, são inspirados no Dupin de Poe.

Entre 1841 e 1844, Edgar Allan Poe escreveu a chamada Trilogia Dupin, protagonizada pelo excêntrico jovem francês C. Auguste Dupin. Dela constam Os assassinatos na Rue Morgue, O mistério de Marie Rogêt e a Carta Roubada. “Os Assassinatos na Rue Morgue foi a primeira história de detetive impressa, o primeiro mistério de ambiente fechado, a primeira história de ficção criminal e o primeiro exemplo de criação de perfil na literatura. Com apenas uma história, Poe criou quatro gêneros de literatura que ainda existem hoje. Que ainda são populares hoje.” [Fala da personagem Tessa Ellis, em A Torre, de Steven James]. Os três contos deram a Poe fama e fortuna. Para Dorothy Sayers, Os assassinatos na Rue Morgue eram um quase completo manual de teoria e prática para detetives. Os incontáveis investigadores da literatura que se seguiram, sem exceção, entre os quais Sherlock Holmes, são inspirados no Dupin de Poe.