Sempre em Desvantagem – Walter Mosley

Sempre em Desvantagem – Walter Mosley

Sócrates Fortlow passou 27 anos na prisão e pode matar um homem apenas usando suas mãos nuas. Mas agora ele está livre e determinado a usar sua força para o bem, para ajudar os pobres e oprimidos do gueto negro de Los Angeles. Forte, embrutecido, mas doce e sábio, Sócrates, apelidado de Socco, expulsa um assassino da cidade, tira um menino de um futuro de crimes e luta contra a tentação quando provocado pelo sexo oposto. Um personagem muito rico que, já nesta primeira aparição, consagra-se como uma das figuras mais inteligentes e profundas da moderna ficção policial norte-americana. Como seu homônimo grego, Sócrates vive se questionando em uma tentativa frustrada de compreender seu próprio mundo. Em sua busca por moral em meio à pobreza e à depravação, ele se consagra como um verdadeiro herói de nossos dias.
Neste romance de beleza sutil, estruturado em passagens curtas e independentes que vão se entrelaçando, Walter Mosley exibe todo o seu talento na criação de personagens, tramas e diálogos – habilidades que o consagraram como o escritor americano que melhor capta as ambiguidades morais de nosso tempo. Um livro que já nasce clássico.

Sempre-em-Desvantagem-Walter-MosleySócrates Fortlow passou 27 anos na prisão e pode matar um homem apenas usando suas mãos nuas. Mas agora ele está livre e determinado a usar sua força para o bem, para ajudar os pobres e oprimidos do gueto negro de Los Angeles. Forte, embrutecido, mas doce e sábio, Sócrates, apelidado de Socco, expulsa um assassino da cidade, tira um menino de um futuro de crimes e luta contra a tentação quando provocado pelo sexo oposto. Um personagem muito rico que, já nesta primeira aparição, consagra-se como uma das figuras mais inteligentes e profundas da moderna ficção policial norte-americana. Como seu homônimo grego, Sócrates vive se questionando em uma tentativa frustrada de compreender seu próprio mundo. Em sua busca por moral em meio à pobreza e à depravação, ele se consagra como um verdadeiro herói de nossos dias.
Neste romance de beleza sutil, estruturado em passagens curtas e independentes que vão se entrelaçando, Walter Mosley exibe todo o seu talento na criação de personagens, tramas e diálogos – habilidades que o consagraram como o escritor americano que melhor capta as ambiguidades morais de nosso tempo. Um livro que já nasce clássico.