Oscar Wilde – Salvatore Schiffer

Oscar Wilde – Salvatore Schiffer

Oscar Wilde viver 46 anos para o prazer. Conheceu a glória e a decadência. Orador brilhante, poeta e dramaturgo de sucesso, seu único romance , O retrato de Dorian Gray (1890), é uma obra sublime sobre a corrupção da alma. Dândi por excelência, seus cabelos escuros divididos ao meio, o paletó de veludo, a bengala e os sapatos de verniz se tornaram sua marca registrada. Arguto observador da burguesia, lapidou alguns dos mais espirituosos aforismos da língua inglesa. A condenação por atentado ao pudor foi um golpe em sua vida. Os dois anos passados na prisão, que deram origem ao De profundis, arrasaram sua saúde. Falido, repelido pela mulher e por Bosie, seu amante, Wilde sucumbiu. Só lhe restou a glória literária.

Oscar Wilde – Salvatore SchifferOscar Wilde viver 46 anos para o prazer. Conheceu a glória e a decadência. Orador brilhante, poeta e dramaturgo de sucesso, seu único romance , O retrato de Dorian Gray (1890), é uma obra sublime sobre a corrupção da alma. Dândi por excelência, seus cabelos escuros divididos ao meio, o paletó de veludo, a bengala e os sapatos de verniz se tornaram sua marca registrada. Arguto observador da burguesia, lapidou alguns dos mais espirituosos aforismos da língua inglesa. A condenação por atentado ao pudor foi um golpe em sua vida. Os dois anos passados na prisão, que deram origem ao De profundis, arrasaram sua saúde. Falido, repelido pela mulher e por Bosie, seu amante, Wilde sucumbiu. Só lhe restou a glória literária.

1 comentário em “Oscar Wilde – Salvatore SchifferAdicione o seu →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *