cover

O Voo Curto da Aprendiz: Do Movimento Passe Livre ao Impeachment – Ramiro Batista

O Voo da Aprendiz reúne 169 artigos que abarcam do que pode ser considerado o início da queda do segundo governo Dilma Rousseff — os protestos do Movimento Passe Livre, em junho de 2013 — ao Impeachment, três anos e dois meses depois.

Publicados à média de dois a três por semana no site de estratégias de comunicação do autor — www.ramirobatista.com.br —, são insights a quente sobre Política, Mídia e Marketing Político, a partir do impacto sobre a opinião pública de cada um dos movimentos tectônicos do grande terremoto nacional que levou o país à mais grave de suas crises.

O Voo da Aprendiz reúne 169 artigos que abarcam do que pode ser considerado o início da queda do segundo governo Dilma Rousseff — os protestos do Movimento Passe Livre, em junho de 2013 — ao Impeachment, três anos e dois meses depois.

Publicados à média de dois a três por semana no site de estratégias de comunicação do autor — www.ramirobatista.com.br —, são insights a quente sobre Política, Mídia e Marketing Político, a partir do impacto sobre a opinião pública de cada um dos movimentos tectônicos do grande terremoto nacional que levou o país à mais grave de suas crises.

Procuram entender a sequencia de tropeços que levou ao colapso de um país e ao pouso forçado da aprendiz de feiticeiro, num tipo de saga do aprendizado que pode ser encapsulada em cinco eixos:

  1. A derrocada econômica, mais explícita a partir do Movimento Passe Livre, até a sensação de colapso do país, em setembro de 2015.
  2. O clima de guerra suja das eleições de 2014 e a frustração nacional que sobreveio à constatação de suas contradições.
  3. O enfrentamento com Eduardo Cunha, a fritura de Michel Temer como articulador e a explosão das pontes com o Congresso que deram no impeachment.
  4. Os atropelos de comunicação para lidar com o agravamento de cada crise, produzida pela economia, pela luta política ou pelas ações da Lava Jato.
  5. O enfrentamento da sociedade e a opção pelo barulho da minoria na reta final do impeachment.

Alguns premonitórios, como o que previu que ela seria derrubada por seus próprios aliados ou que teria 43 dias de governo após a grande mobilização de 15 de março de 2016.

Outros, didáticos, sobre os equívocos de suas ações de comunicação ou de seus enfrentamentos com a mídia, a classe política e a maioria da sociedade.

Outros, tentativas de análise dos impasses de uma época de turbulência em que a força das redes sociais avariou o poder dos grandes conglomerados de comunicação e criou as condições para a guerra virtual que cindiu o país.

E todos, no conjunto, ajudando a compor o retrato em 169 tempos da técnica brilhante defenestrada pelo poder político que não chegou a entender e da cadeia de erros que sua inabilidade, temperada com boa dose de prepotência, contribuiu para agravar.

Para comunicadores, jornalistas, historiadores e todos os interessados em se aventurar no perfil da 36ª presidente que vai frequentar nossos livros de história, entender o contexto de sua queda e ampliar a compreensão das patranhas da atividade política que requerem o que ela não soube dar: concessão, convencimento e humildade.

1 comentário em “O Voo Curto da Aprendiz: Do Movimento Passe Livre ao Impeachment – Ramiro BatistaAdicione o seu →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *