O Romance Português Comtemporâneo: 1950-2010 – Miguel Real

O Romance Português Comtemporâneo: 1950-2010 – Miguel Real

Unificando os mais importantes romances portugueses publicados nos últimos sessenta anos, Romance Português Contemporâneo. 1950 -2010 evidencia uma nova perspetiva teórica sobre a evolução da globalidade do romance português entre os textos de Vitorino Nemésio, Agustina Bessa-Luís, Vergílio Ferreira, Carlos de Oliveira e Fernando Namora, na década de 1950, e a emergência de uma Nova Narrativa Portuguesa no século XXI, manifestada na escrita de Gonçalo M. Tavares, José Luís Peixoto, Patrícia Portela, Sandro William Junqueira, João Tordo, Afonso Cruz, valter hugo mãe, David Machado, Joana Bértholo, Ricardo Adolfo, João Paulo Oliveira e Costa, Sérgio Luís de Carvalho, Henrique Levy, Ana Cristina Silva, Pedro Almeida Vieira, Nuno Camarneiro, Pedro Guilherme- Moreira, Paulo Moreiras, Paulo Bugalho, António Canteiro, Pedro Medina Ribeiro, Luís Curado, Luís Caminha, Paula de Sousa Lima, Raquel Ochoa e outros.

Unificando os mais importantes romances portugueses publicados nos últimos sessenta anos, Romance Português Contemporâneo. 1950 -2010 evidencia uma nova perspetiva  teórica sobre a evolução da globalidade do romance português entre os textos de Vitorino Nemésio, Agustina Bessa-Luís, Vergílio Ferreira, Carlos de Oliveira e Fernando Namora, na década de 1950, e a emergência de uma Nova Narrativa Portuguesa no século XXI, manifestada na escrita de Gonçalo M. Tavares, José Luís Peixoto, Patrícia Portela, Sandro William Junqueira, João Tordo, Afonso Cruz, valter hugo mãe, David Machado, Joana Bértholo, Ricardo Adolfo, João Paulo Oliveira e Costa, Sérgio Luís de Carvalho, Henrique Levy, Ana Cristina Silva, Pedro Almeida Vieira, Nuno Camarneiro, Pedro Guilherme- Moreira, Paulo Moreiras, Paulo Bugalho, António Canteiro, Pedro Medina Ribeiro, Luís Curado, Luís Caminha, Paula de Sousa Lima, Raquel Ochoa e outros.

1 comentário em “O Romance Português Comtemporâneo: 1950-2010 – Miguel RealAdicione o seu →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *