O Novo Reino – As Cruzadas #03 – Jan Guillou

O Novo Reino – As Cruzadas #03 – Jan Guillou

“O Novo Reino” é o terceiro volume da trilogia “As Cruzadas”, de Jan Guillou. É uma história que reproduz a atmosfera e as características de uma jornada ao coração do Oriente Médio, um romance excepcional com uma abordagem histórica somente encontrada nos grandes clássicos do gênero. No final do século XII, após a difícil jornada ‘A Caminho de Jerusalém’ e a sangrenta batalha de “O Cavaleiro Templário”, um novo reino surgirá. O ano é 1192. Depois de vinte anos como templário, Arn Magnusson volta para casa, na província nórdica de Götaland Ocidental. Arn é um dos muitos milhares de derrotados nas batalhas que foram travadas na Terra Santa. Entretanto, ele leva consigo conhecimentos e imigrantes que darão início a um novo tempo para toda a Europa. E a partir de uma pequena província de camponeses, a Götaland Ocidental, será criado um novo reino, a Suécia. Mas Arn e sua amada Cecília se arriscarão a lançar o reino numa guerra caótica, tudo porque dão mais valor ao amor do que ao poder.

“O Novo Reino” é o terceiro volume da trilogia “As Cruzadas”, de Jan Guillou. É uma história que reproduz a atmosfera e as características de uma jornada ao coração do Oriente Médio, um romance excepcional com uma abordagem histórica somente encontrada nos grandes clássicos do gênero. No final do século XII, após a difícil jornada ‘A Caminho de Jerusalém’ e a sangrenta batalha de “O Cavaleiro Templário”, um novo reino surgirá. O ano é 1192. Depois de vinte anos como templário, Arn Magnusson volta para casa, na província nórdica de Götaland Ocidental. Arn é um dos muitos milhares de derrotados nas batalhas que foram travadas na Terra Santa. Entretanto, ele leva consigo conhecimentos e imigrantes que darão início a um novo tempo para toda a Europa. E a partir de uma pequena província de camponeses, a Götaland Ocidental, será criado um novo reino, a Suécia. Mas Arn e sua amada Cecília se arriscarão a lançar o reino numa guerra caótica, tudo porque dão mais valor ao amor do que ao poder.