O Homem do Castelo Alto – Philip K. Dick

O Homem do Castelo Alto – Philip K. Dick

Neste romance perturbador e surpreendente, publicado originalmente em 1962 e vencedor do Prêmio Hugo, Philip K. Dick apresenta um cenário sombrio: a Segunda Guerra Mundial foi vencida pelos Nazistas. O mundo vive sob o domínio da Alemanha e do Japão. Os negros são escravos. Os judeus se escondem sob identidades falsas para não serem completamente exterminados.
É nesse contexto assustador que se desenvolvem os dramas de vários personagens, cujas vidas acabam entrelaçadas pelos ditames do I Ching, o milenar oráculo chinês, e que se descobrem envolvidos em situações além de seu controle.
Considerado por muitos o melhor trabalho de Philip K. Dick, O Homem do Castelo Alto apresenta uma versão alternativa da história, revelando um olhar crítico e filosófico sob a condição humana.
E, antecipando filmes e seriados de sucesso, como Matrix e Lost, levanta a grande questão: “O que é a realidade, afinal?”

Neste romance perturbador e surpreendente, publicado originalmente em 1962 e vencedor do Prêmio Hugo, Philip K. Dick apresenta um cenário sombrio: a Segunda Guerra Mundial foi vencida pelos Nazistas. O mundo vive sob o domínio da Alemanha e do Japão. Os negros são escravos. Os judeus se escondem sob identidades falsas para não serem completamente exterminados. É nesse contexto assustador que se desenvolvem os dramas de vários personagens, cujas vidas acabam entrelaçadas pelos ditames do I Ching, o milenar oráculo chinês, e que se descobrem envolvidos em situações além de seu controle. Considerado por muitos o melhor trabalho de Philip K. Dick, O Homem do Castelo Alto apresenta uma versão alternativa da história, revelando um olhar crítico e filosófico sob a condição humana. E, antecipando filmes e seriados de sucesso, como Matrix e Lost, levanta a grande questão: “O que é a realidade, afinal?”

1 comentário em “O Homem do Castelo Alto – Philip K. DickAdicione o seu →

  1. Que beleza este novo site!!! O exilado está de parabéns!! Agora, obrigar os usuários do site a compartilhar o mesmo através de redes sociais??! E quem não participa de redes sociais?? Que babaquice isso… Se vc quer ficar famoso sugiro ir cantar com a Lady Gaga..

  2. Nunca havia lido nada do Philip K. Dick e resolvi começar por este que é tido como o melhor livro.

    A história é bem interessante, mas fiquei decepcionado com o desfecho. De qualquer modo, é certo que baixarei outros livros deste autor.

    Li a versão para Kindle e, como de costume, estava em excelente formatação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *