O Beijo Na Nuca – Dalton Trevisan

O Beijo Na Nuca – Dalton Trevisan

Quadragésimo sexto livro de Dalton Trevisan, “O beijo na nuca” reúne 48 contos e marca o retorno do mestre do conto brasileiro a histórias maiores. Título ao mesmo tempo irônico e revelador, mescla as histórias trágicas e apaixonantes que se repetem ao longo do livro, mas também servem, em parte, como imagem para a linguagem incisiva e veloz do consagrado autor.
Dalton ficcionaliza o desventurado ciclista, o desgracido atropelado. O enigmático Sinbad e suas aventuras. E sem abandonar seus bons e velhos personagens, o tradicional coronel. Reconhecido mundialmente, traduzido para muitas línguas e objeto de incontáveis estudos, Dalton Trevisan volta aos contos maiores e com mais lirismo em O beijo na nuca.
. Dono de um estilo único, sintático e sugestivo, recebeu os principais prêmios literários para autores de língua portuguesa, como o Prêmio Camões (2012); Machado de Assis (Academia Brasileira de Letras, 2012) pelo conjunto de sua obra; Prêmio Portugal Telecom 2003 com Pico na veia; Prêmio Clarice Lispector da Fundação Biblioteca Nacional 2008 por O maníaco do olho verde e o Prêmio Jabuti.
. Sua obra está publicada em vários países, entre eles, Estados Unidos, França, Alemanha, Argentina, Portugal e Holanda. Na Hungria, alguns de seus contos inspiraram uma série de televisão. No Brasil, Trevisan teve textos adaptados para o cinema (Guerra conjugal, em 1975) e para a televisão.

Quadragésimo sexto livro de Dalton Trevisan, “O beijo na nuca” reúne 48 contos e marca o retorno do mestre do conto brasileiro a histórias maiores. Título ao mesmo tempo irônico e revelador, mescla as histórias trágicas e apaixonantes que se repetem ao longo do livro, mas também servem, em parte, como imagem para a linguagem incisiva e veloz do consagrado autor.
Dalton ficcionaliza o desventurado ciclista, o desgracido atropelado. O enigmático Sinbad e suas aventuras. E sem abandonar seus bons e velhos personagens, o tradicional coronel. Reconhecido mundialmente, traduzido para muitas línguas e objeto de incontáveis estudos, Dalton Trevisan volta aos contos maiores e com mais lirismo em O beijo na nuca.
. Dono de um estilo único, sintático e sugestivo, recebeu os principais prêmios literários para autores de língua portuguesa, como o Prêmio Camões (2012); Machado de Assis (Academia Brasileira de Letras, 2012) pelo conjunto de sua obra; Prêmio Portugal Telecom 2003 com Pico na veia; Prêmio Clarice Lispector da Fundação Biblioteca Nacional 2008 por O maníaco do olho verde e o Prêmio Jabuti.
. Sua obra está publicada em vários países, entre eles, Estados Unidos, França, Alemanha, Argentina, Portugal e Holanda. Na Hungria, alguns de seus contos inspiraram uma série de televisão. No Brasil, Trevisan teve textos adaptados para o cinema (Guerra conjugal, em 1975) e para a televisão.

1 comentário em “O Beijo Na Nuca – Dalton TrevisanAdicione o seu →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *