O Abolicionismo – Joaquim Nabuco

O Abolicionismo – Joaquim Nabuco

Obra lançada primeiramente em 1883, O Abolicionismo tratou de analisar com intensa tomada de posição a negatividade da escravidão para o Brasil da sua época e para o futuro. O debate de Joaquin Nabuco sobre a escravidão enquanto sistema social e de grandes efeitos para totalidade social, levou seu livro a uma relevante discussão acerca dos rumos mais promissores para a construção do Estado Nacional brasileiro, podendo ser considerado uma das obras fundadoras da nossa sociologia. A publicação de O Abolicionismo ocorreu exatamente cinco anos antes da abolição oficial, e algumas décadas após o início do fervor contra o sistema escravista. Nela, Nabuco revelara a sua desilusão frente à política, queixando-se especialmente da complacência da nação em relação ao sustento da escravidão. O Abolicionismo se revela como um verdadeiro diagnóstico das mazelas da sociedade brasileira, o Brasil do século XIX, sendo o mais importante livro com vistas a se entender a formação sociocultural do povo brasileiro.

Obra lançada primeiramente em 1883, O Abolicionismo tratou de analisar com intensa tomada de posição a negatividade da escravidão para o Brasil da sua época e para o futuro. O debate de Joaquin Nabuco sobre a escravidão enquanto sistema social e de grandes efeitos para totalidade social, levou seu livro a uma relevante discussão acerca dos rumos mais promissores para a construção do Estado Nacional brasileiro, podendo ser considerado uma das obras fundadoras da nossa sociologia. A publicação de O Abolicionismo ocorreu exatamente cinco anos antes da abolição oficial, e algumas décadas após o início do fervor contra o sistema escravista. Nela, Nabuco revelara a sua desilusão frente à política, queixando-se especialmente da complacência da nação em relação ao sustento da escravidão. O Abolicionismo se revela como um verdadeiro diagnóstico das mazelas da sociedade brasileira, o Brasil do século XIX, sendo o mais importante livro com vistas a se entender a formação sociocultural do povo brasileiro.