Memórias de Um Cão – Peter Mayle

Memórias de Um Cão – Peter Mayle

É possível a compreensão de nossa verdadeira natureza interior com a ajuda de um vira-latas? A resposta será óbvia se este cão for o proustiano Boy, que aprendeu a filosofar seguindo os passos do novo dono pelo paraíso da Provence.
A concepção que Boy tem da humanidade é tão doce que o transforma num filósofo de meiguice apaixonante. Ele não só compreende como ama e perdoa sempre, concluindo: “Erra é humano, perdoar é canino”.

 Memórias de Um Cão – Peter Mayle Peter Mayle

 Memórias de Um Cão – Peter Mayle Peter Mayle   É possível a compreensão de nossa verdadeira natureza interior com a ajuda de um vira-latas? A resposta será óbvia se este cão for o proustiano Boy, que aprendeu a filosofar seguindo os passos do novo dono pelo paraíso da Provence.
A concepção que Boy tem da humanidade é tão doce que o transforma num filósofo de meiguice apaixonante. Ele não só compreende como ama e perdoa sempre, concluindo: “Erra é humano, perdoar é canino”.

 Memórias de Um Cão – Peter Mayle Peter Mayle

1 comentário em “Memórias de Um Cão – Peter MayleAdicione o seu →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *