Legião – Salvador Sanz

Legião – Salvador Sanz

Imagine se a arte fosse uma arma poderosa e letal de destruição, capaz de abrir os portais do Inferno. A HQ Legião, do roteirista argentino Salvador Sanz, foi lançada em 2006 e usa essa premissa fantástica e transforma o conto em quadros desenhados de forma muito impactante. Tudo se passa em Bueno Aires mostrando as vidas paralelas de Blue e Felix. Ela é artista plástica e descobriu uma nova cor, chamada Ultramá, e ele, que é guitarrista, usa uma camiseta do Venom e passa 24 horas seguidas tocando guitarra sem perceber. Ambos despertam, sem saber, Legião: um demônio sedento por sangue e completamente ávido por arte e destruição. Depois de diveros acontecimentos bizarros, o que inclui sacos de cadáveres, chuva de sangue e elefantes mortos, Blue, Felix e mais dois companheiros seguem uma jornada sem muita saída, afinal eles descobrem que são peças chaves para o fim do mundo.

Imagine se a arte fosse uma arma poderosa e letal de destruição, capaz de abrir os portais do Inferno. A HQ Legião, do roteirista argentino Salvador Sanz, foi lançada em 2006 e usa essa premissa fantástica e transforma o conto em quadros desenhados de forma muito impactante. Tudo se passa em Bueno Aires mostrando as vidas paralelas de Blue e Felix. Ela é artista plástica e descobriu uma nova cor, chamada Ultramá, e ele, que é guitarrista, usa uma camiseta do Venom e passa 24 horas seguidas tocando guitarra sem perceber. Ambos despertam, sem saber, Legião: um demônio sedento por sangue e completamente ávido por arte e destruição. Depois de diveros acontecimentos bizarros, o que inclui sacos de cadáveres, chuva de sangue e elefantes mortos, Blue, Felix e mais dois companheiros seguem uma jornada sem muita saída, afinal eles descobrem que são peças chaves para o fim do mundo.

 

1 comentário em “Legião – Salvador SanzAdicione o seu →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *