Hiperespaço – Michio Kaku

Hiperespaço – Michio Kaku

Uma odisseia científica através de universos paralelos, empenamentos do tempo e a décima dimensão.

Os antigos filósofos gregos, há dois milênios, acreditavam que o universo era tridimensional, isto é, comprimento, largura e profundidade eram suficientes para descrever todos os objetos do mundo visível. Essa ideia arraigada, que persiste até nossos dias, pode estar com seus dias contados. Este livro trata da revolução científica provocada pela teoria do hiperespaço, que afirma a existência de outras dimensões além das comumente aceitas.
Nos últimos cinquenta anos, os físicos se esforçaram para entender por que as forças básicas que mantêm o universo coeso – gravidade, eletromagnetismo e as forças nucleares forte e fraca – são tão diferentes. Com segurança, Kaku nos mostra que a teoria do hiperespaço é uma séria candidata a “teoria de tudo”. Na verdade, desde Einstein, os físicos tentam construir uma ponte que ligue a relatividade – demonstrada na escala de planetas e galáxias – e a teoria quântica, que se aplica ao mundo microscópico, das partículas subatômicas. Embora o assunto continue gerando muitas controvérsias, Kaku afirma que a teoria do hiperespaço pode realizar esta façanha, mas ela requer a aceitação de que o universo é multidimensional.
Em Hiperespaço, Michio Kaku explica por que as leis da natureza se tornam mais simples e precisas quando expressas em um número maior de dimensões. Para muitos cientistas, a teoria do hiperespaço, que já inspirou milhares de artigos, desvendará as mais intrigantes questões de nosso tempo, como o que aconteceu antes do Big Bang, os buracos negros e os “buracos de minhoca”, túneis que ligam partes distantes do espaço e tempo.
Ao especular sobre os futuros possíveis da raça humana e o destino final do universo, Michio Kaku divide, com o leitor, o prazer de acompanhar as pesquisas de ponta e as mais importantes e espetaculares descobertas científicas.

Uma odisseia científica através de universos paralelos, empenamentos do tempo e a décima dimensão.

Os antigos filósofos gregos, há dois milênios, acreditavam que o universo era tridimensional, isto é, comprimento, largura e profundidade eram suficientes para descrever todos os objetos do mundo visível. Essa ideia arraigada, que persiste até nossos dias, pode estar com seus dias contados. Este livro trata da revolução científica provocada pela teoria do hiperespaço, que afirma a existência de outras dimensões além das comumente aceitas.
Nos últimos cinquenta anos, os físicos se esforçaram para entender por que as forças básicas que mantêm o universo coeso – gravidade, eletromagnetismo e as forças nucleares forte e fraca – são tão diferentes. Com segurança, Kaku nos mostra que a teoria do hiperespaço é uma séria candidata a “teoria de tudo”. Na verdade, desde Einstein, os físicos tentam construir uma ponte que ligue a relatividade – demonstrada na escala de planetas e galáxias – e a teoria quântica, que se aplica ao mundo microscópico, das partículas subatômicas. Embora o assunto continue gerando muitas controvérsias, Kaku afirma que a teoria do hiperespaço pode realizar esta façanha, mas ela requer a aceitação de que o universo é multidimensional.
Em Hiperespaço, Michio Kaku explica por que as leis da natureza se tornam mais simples e precisas quando expressas em um número maior de dimensões. Para muitos cientistas, a teoria do hiperespaço, que já inspirou milhares de artigos, desvendará as mais intrigantes questões de nosso tempo, como o que aconteceu antes do Big Bang, os buracos negros e os “buracos de minhoca”, túneis que ligam partes distantes do espaço e tempo.
Ao especular sobre os futuros possíveis da raça humana e o destino final do universo, Michio Kaku divide, com o leitor, o prazer de acompanhar as pesquisas de ponta e as mais importantes e espetaculares descobertas científicas.

1 comentário em “Hiperespaço – Michio KakuAdicione o seu →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *