Hannibal: A Origem do Mal – Thomas Harris

Hannibal: A Origem do Mal – Thomas Harris

A origem de um dos mais temidos e cruéis vilões modernos. ‘HANNIBAL – A ORIGEM DO MAL’ revela a trajetória de Hannibal Lecter – apresentado ao público em ‘Dragão Vermelho’ e ‘O Silêncio dos Inocentes’ -, de um menino gentil a um psicopata canibal. Os traumas e fatos que distorceram seus sonhos infantis a ponto de o moldarem num dos piores criminosos procurados pelo FBI são explorados aqui por Thomas Harris.
Hannibal Lecter é um menino como muitos: inteligente, gentil e extremamente carinhoso com a irmã, a pequena, Mischa. Mas os horrores da Segunda Guerra farão deste inocente menino o psicopata canibal, um dos personagens mais assustadores de toda a literatura. Vagando pela neve, Hannibal, de 8 anos, emerge de seu pesadelo. É mais um cambaleante sobrevivente de guerra. Está mudo e tem uma corrente em volta do pescoço. Em sua mente, a dolorosa imagem da morte dos pais, torturantes cenas de violência e apenas uma vaga lembrança sobre o que pode ter acontecido à irmã. Por companhia, somente seus demônios. Levado de volta a sua casa na Lituânia, agora um orfanato, sua tortura continua – física, nas mãos de revoltados meninos mais velhos e dos inescrupulosos administradores da instituição; e psicológica, vendo nas ruínas do castelo Lecter os restos de uma infância destruída – até que finalmente é encontrado pelo tio, um pintor renomado que o leva para a França, onde passará a conviver também com Lady Murasaki, sua bela e misteriosa esposa aristocrata. Com a ajuda desta nova família, Hannibal tentará reconstruir sua vida. Aos poucos, recobra a fala e refaz expectativas. Aluno brilhante, torna-se o mais jovem calouro de uma faculdade de medicina. Mas os demônios de Hannibal ainda o visitam e atormentam. E quando tem idade suficiente, Lecter passa a retribuir as visitas. E descobre que sua ira unida a seus dons acadêmicos é a fórmula perfeita para um prodígio da morte.

A origem de um dos mais temidos e cruéis vilões modernos. ‘HANNIBAL – A ORIGEM DO MAL’ revela a trajetória de Hannibal Lecter – apresentado ao público em ‘Dragão Vermelho’ e ‘O Silêncio dos Inocentes’ -, de um menino gentil a um psicopata canibal. Os traumas e fatos que distorceram seus sonhos infantis a ponto de o moldarem num dos piores criminosos procurados pelo FBI são explorados aqui por Thomas Harris.
Hannibal Lecter é um menino como muitos: inteligente, gentil e extremamente carinhoso com a irmã, a pequena, Mischa. Mas os horrores da Segunda Guerra farão deste inocente menino o psicopata canibal, um dos personagens mais assustadores de toda a literatura. Vagando pela neve, Hannibal, de 8 anos, emerge de seu pesadelo. É mais um cambaleante sobrevivente de guerra. Está mudo e tem uma corrente em volta do pescoço. Em sua mente, a dolorosa imagem da morte dos pais, torturantes cenas de violência e apenas uma vaga lembrança sobre o que pode ter acontecido à irmã. Por companhia, somente seus demônios. Levado de volta a sua casa na Lituânia, agora um orfanato, sua tortura continua – física, nas mãos de revoltados meninos mais velhos e dos inescrupulosos administradores da instituição; e psicológica, vendo nas ruínas do castelo Lecter os restos de uma infância destruída – até que finalmente é encontrado pelo tio, um pintor renomado que o leva para a França, onde passará a conviver também com Lady Murasaki, sua bela e misteriosa esposa aristocrata. Com a ajuda desta nova família, Hannibal tentará reconstruir sua vida. Aos poucos, recobra a fala e refaz expectativas. Aluno brilhante, torna-se o mais jovem calouro de uma faculdade de medicina. Mas os demônios de Hannibal ainda o visitam e atormentam. E quando tem idade suficiente, Lecter passa a retribuir as visitas. E descobre que sua ira unida a seus dons acadêmicos é a fórmula perfeita para um prodígio da morte.

8 comentários em “Hannibal: A Origem do Mal – Thomas HarrisAdicione o seu →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *