Ferro e o voto secreto – Monteiro Lobato

Ferro e o voto secreto – Monteiro Lobato

Monteiro Lobato escreveu dois artigos na primeira metade do século 20 – Ferro e O voto secreto, reunidos em volume único. O primeiro traz textos sobre as técnicas de produção de aço usadas na América do Norte, e que poderiam ser aproveitadas para o desenvolvimento da indústria brasileira a partir da reserva de minérios. Já O voto secreto é baseado em uma carta que Monteiro Lobato enviou ao então Presidente da República, Arthur Bernardes, enquanto a cidade de São Paulo vivia nos escombros do bombardeio federal, ordenado para sufocar a revolta de Isidoro Dias Lopes em 1924. A carta faz um balanço da política nacional para Bernardes, que manteve o estado de sítio durante todo seu mandato. Nela, há o apelo para o fim do voto aberto, de ‘cabresto’, que sustentava a velha república do café-com-leite.

Ferro e o voto secreto - Monteiro LobatoMonteiro Lobato escreveu dois artigos na primeira metade do século 20 – Ferro e O voto secreto, reunidos em volume único. O primeiro traz textos sobre as técnicas de produção de aço usadas na América do Norte, e que poderiam ser aproveitadas para o desenvolvimento da indústria brasileira a partir da reserva de minérios. Já O voto secreto é baseado em uma carta que Monteiro Lobato enviou ao então Presidente da República, Arthur Bernardes, enquanto a cidade de São Paulo vivia nos escombros do bombardeio federal, ordenado para sufocar a revolta de Isidoro Dias Lopes em 1924. A carta faz um balanço da política nacional para Bernardes, que manteve o estado de sítio durante todo seu mandato. Nela, há o apelo para o fim do voto aberto, de ‘cabresto’, que sustentava a velha república do café-com-leite.

1 comentário em “Ferro e o voto secreto – Monteiro LobatoAdicione o seu →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *