Ex Machina: Símbolo – Brian K. Vaughan, Tony Harris, Tom Feister

Ex Machina: Símbolo – Brian K. Vaughan, Tony Harris, Tom Feister

Mitchell Hundred é o primeiro super-herói de verdade que aparece no mundo. Atingido por algo que desconhece, ele adquire o poder de se comunicar com qualquer máquina e de ser obedecido por elas.

Depois de uma curta vida como super-herói e do atentado de 11 de Setembro, Hundred decide que fará melhor para ajudar as pessoas se se candidatar a prefeito da cidade de Nova York. E assim o faz, e vence. Como prefeito terá desafios ainda maiores do que como super-herói.

Neste segundo volume, Hundred se vê às voltas com um símbolo estranho, relacionado ao incidente que lhe deu superpoderes. Um agente da NSA tenta decifrá-lo, mas o símbolo parece ser mais perigoso do que parece.

Já, como prefeito, Hundred precisa lidar com o alvoroço que causa na cidade ao decidir oficiar um casamento gay.

Mitchell Hundred é o primeiro super-herói de verdade que aparece no mundo. Atingido por algo que desconhece, ele adquire o poder de se comunicar com qualquer máquina e de ser obedecido por elas.
Depois de uma curta vida como super-herói e do atentado de 11 de Setembro, Hundred decide que fará melhor para ajudar as pessoas se se candidatar a prefeito da cidade de Nova York. E assim o faz, e vence. Como prefeito terá desafios ainda maiores do que como super-herói.
Neste segundo volume, Hundred se vê às voltas com um  símbolo estranho, relacionado ao incidente que lhe deu superpoderes. Um agente da NSA tenta decifrá-lo, mas o símbolo parece ser mais perigoso do que parece.
Já, como prefeito, Hundred precisa lidar com o alvoroço que causa na cidade ao decidir oficiar um casamento gay.

1 comentário em “Ex Machina: Símbolo – Brian K. Vaughan, Tony Harris, Tom FeisterAdicione o seu →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *