Estar Sendo: Ter Sido – Hilda Hilst

Estar Sendo: Ter Sido – Hilda Hilst

Último livro em prosa escrito por Hilda Hilst – pode ser apresentado esquematicamente como um longo fluxo de consciência de um homem que, ao completar 65 anos, descobre que não tem nada de mais urgente ou relevante a fazer do que se preparar para o último acontecimento de sua vida: o momento de sua morte. Deixar-se abandonar pela mulher é a primeira providência que toma, mas a sua memória e a de outras amantes é excitada ainda pelas presenças do irmão e do filhos, os quais, embora não compreendam a sua apatia pela vida, permanecem ao seu lado. Na segunda parte do livro, após sofrer um colapso e ser internado, a cena básica já não é composta por familiares, mas por uma criada de quarto, um barman e vários vira-latas.

Último livro em prosa escrito por Hilda Hilst – pode ser apresentado esquematicamente como um longo fluxo de consciência de um homem que, ao completar 65 anos, descobre que não tem nada de mais urgente ou relevante a fazer do que se preparar para o último acontecimento de sua vida: o momento de sua morte. Deixar-se abandonar pela mulher é a primeira providência que toma, mas a sua memória e a de outras amantes é excitada ainda pelas presenças do irmão e do filhos, os quais, embora não compreendam a sua apatia pela vida, permanecem ao seu lado. Na segunda parte do livro, após sofrer um colapso e ser internado, a cena básica já não é composta por familiares, mas por uma criada de quarto, um barman e vários vira-latas.

1 comentário em “Estar Sendo: Ter Sido – Hilda HilstAdicione o seu →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *