Didascalicon: A Arte de Ler – Hugo de São Vítor

Didascalicon: A Arte de Ler – Hugo de São Vítor

Hugo de São Vítor (1096-1141) é talvez um dos maiores nomes da pedagogia ocidental: homem de talento e inteligência brilhantes, notáveis santidade e vocação para a docência, foi professor no Mosteiro de São Vítor e, posteriormente, assumiu sua direção e estruturou sua escola de Teologia. Instituiu uma prática pedagógica que conduzia à contemplação através da boa leitura, do diligente estudo e da meditação.

Neste seu primeiro e notável tratado, o autor afirma que é principalmente por dois instrumentos que alguém adquire o conhecimento: a leitura e a meditação. Observando ambos, ele nota que é a leitura que vem em primeiro lugar na instrução, e justamente por isto, neste livro ele tratará dos preceitos e regras para a boa leitura.

Hugo de São Vítor (1096-1141) é talvez um dos maiores nomes da pedagogia ocidental: homem de talento e inteligência brilhantes, notáveis santidade e vocação para a docência, foi professor no Mosteiro de São Vítor e, posteriormente, assumiu sua direção e estruturou sua escola de Teologia. Instituiu uma prática pedagógica que conduzia à contemplação através da boa leitura, do diligente estudo e da meditação.

Neste seu primeiro e notável tratado, o autor afirma que é principalmente por dois instrumentos que alguém adquire o conhecimento: a leitura e a meditação. Observando ambos, ele nota que é a leitura que vem em primeiro lugar na instrução, e justamente por isto, neste livro ele tratará dos preceitos e regras para a boa leitura.

Sobre o autor

Hugo de São Vitor (1096-1141) nasceu na Saxônia, território que hoje é a Alemanha, mas à época fazia parte do então Sacro Império Romano Germânico. Quando jovem, impelido pela vocação sacerdotal e aconselhado pelo tio, que era bispo, mudou-se para Paris e ingressou no Mosteiro de São Vítor, fundado por Guilherme de Champeaux, ex-professor de Teologia da escola anexa à Catedral de Notre Dame. Posteriormente, foi professor no mesmo mosteiro, assumiu sua direção e organizou a estrutura de sua escola de Teologia. Homem de talento, brilhante inteligência, notáveis santidade e vocação para a docência, instituiu uma prática pedagógica que conduzia à contemplação através da boa leitura, do diligente estudo e da meditação, e cuja nalidade era a santicação e a perfeita preparação para o magistério.

Sua obra é extensa e uma das mais importantes de toda a história da educação, e compõe-se de tratados como o Didascalicon, sobre a leitura (provavelmente seu primeiro escrito), o Tratado dos Três Dias, muitos opúsculos – dentre os quais o conhecido Opúsculo sobre o modo de aprender e de meditar –, comentários a livros bíblicos e a primeira Suma Teológica de toda a tradição cristã, Os Mistérios da Fé Cristã (ou, De Sacramentis Fidei Christianæ).

1 comentário em “Didascalicon: A Arte de Ler – Hugo de São VítorAdicione o seu →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *