Crer e destruir: Os intelectuais na máquina de guerra da SS nazista – Christian Ingrao

Compartilhe:

Eram oitenta jovens. Inteligentes e cultos, tinham apenas trinta anos quando Adolf Hitler chegou ao poder. Seus estudos universitários em economia, direito, filosofia, história e linguística eram o passaporte garantido para carreiras brilhantes. Essa promissora geração de intelectuais preferiu, no entanto, se engajar nos órgãos de repressão do Terceiro Reich, especialmente na SS – a famosa e temível unidade de proteção da elite do Partido Nazista – e no seu Serviço de Segurança (SD). Funcionaram, assim, como um importante lastro científico e institucional para a ideologia nazista, planejando e teorizando a respeito da eliminação de vinte milhões de indivíduos de raça pretensamente “inferior”. Organizaram e participaram do extermínio de um milhão deles. Apoiado por uma incansável investigação nos arquivos do SD e da SS, Christian Ingrao – diretor do Institut de l’Histoire du Temps Présent e especialista em guerra e nazismo – retraça o destino desses intelectuais que formavam uma das principais elites de Hitler.Crer e destruir esmiúça suas redes – militantes, universitárias ou de amigos – e estuda suas maneiras de pensar e se relacionar com a guerra e o “mundo de inimigos” que, segundo eles, os ameaçava.

Quer baixar rapidamente e sem propaganda? Torna-se nosso patrono clicando aqui

(Visited 1.264 times, 1 visits today)
Compartilhe:

Send a Comment

Your email address will not be published.

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Gostou do epubr.club? Por favor, espalhe a palavra :)