As opiniões e as crenças – Gustave Le Bon

As opiniões e as crenças – Gustave Le Bon

Neste livro Le Bon apresenta de forma brilhante as várias formas de lógica: biológica, afetiva, coletiva, mística e racional. A partir daí passa a analisar as opiniões e as crenças, sua gênese, desenvolvimento, transformação, propagação. Embora tenha sido escrita há muitos anos, é uma obra extremamente atual. Gustave Le Bon foi fundador da Psicologia Social.

As opiniões e as crenças - Gustave Le BonNeste livro Le Bon apresenta de forma brilhante as várias formas de lógica: biológica, afetiva, coletiva, mística e racional. A partir daí passa a analisar as opiniões e as crenças, sua gênese, desenvolvimento, transformação, propagação. Embora tenha sido escrita há muitos anos, é uma obra extremamente atual. Gustave Le Bon foi fundador da Psicologia Social.

Sobre o Autor

Gustave Le Bon (7 de maio de 1841—13 de dezembro de 1931) foi um psicólogo social, sociólogo e físico amador francês. Foi o autor de várias obras nas quais expôs teorias de características nacionais, superioridade racial, comportamento de manada e psicologia de massas.

Sua obra sobre psicologia de massas tornou-se importante na primeira metade do século XX, quando foi usada por pesquisadores da mídia tais como Hadley Cantril e Blumer, para descrever as reações de grupos subordinados à mídia.

Também contribuiu para debates continuados sobre a natureza da matéria e energia. Seu livro A Evolução da Matéria tornou-se muito popular na França (chegando a doze edições), e embora algumas de suas ideias — notadamente a de que toda a matéria era inerentemente instável e estava constante e lentamente transformando-se em éter — tenham sido levados em conta favoravelmente por físicos da época (incluindo Henri Poincaré), sua formulação específica não teve a mesma consideração. Em 1896, informou que havia observado um novo tipo de radiação, a qual denominou “luz negra” (não é a mesma coisa hoje denominada luz negra), embora posteriormente tenha sido descoberto que a mesma não existia.1

As ideias de Le Bon exerceram notável influência sobre o escritor brasileiro Monteiro Lobato, cujo único romance, O Presidente Negro (publicado em 1927), aborda a questão da sobrevivência futura da raça branca (e o que ela teria de fazer, na visão de Lobato, para não extinguir-se).2 . Outro autor de destaque que discutiu suas ideias foi Sigmund Freud (1856-1939) no seu livro Psicologia de Grupo e a Análise do Ego publicado originalmente em Leipzig, Viena e Zurique, 1921.

1 comentário em “As opiniões e as crenças – Gustave Le BonAdicione o seu →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *