A vingança dos analógicos: Por que os objetos de verdade ainda são importantes – David Sax

Compartilhe:

Eleito um dos 10 melhores livros de 2016 pela crítica Michiko Kakutani, do New York Times
Em meio a nossa trajetória rumo à utopia digital, algo de engraçado aconteceu – voltamos a nos interessar pelos bons e velhos objetos analógicos, aqueles que os gurus da tecnologia insistiam em dizer que estavam obsoletos. Nichos de mercado que pareciam ultrapassados, como o filme em película ou as vitrolas, ressurgiram com novo fôlego. Escrever em cadernos de papel, escutar discos de vinil e receber os amigos em torno de um jogo de tabuleiro voltaram a ser atividades bacanas. Eis a Vingança dos Analógicos!
O jornalista canadense David Sax percorreu o mundo atrás de histórias de empreendedores, desde pequenos negócios até grandes corporações, que conquistaram uma nova fatia de mercado vendendo não aplicativos ou soluções virtuais, mas coisas reais, palpáveis. Enquanto os e-books estavam supostamente mudando nossa forma de ler, livrarias independentes se espalhavam pelos Estados Unidos. Quando a música parecia ter migrado definitivamente para a “nuvem”, as vendas de discos de vinil cresceram mais de dez vezes. E até mesmo gigantes da tecnologia, como Google e Facebook, confiam cada vez mais no papel-e-caneta para desenvolver as melhores ideias.
Este livro se debruça sobre o que está por trás de nossos hábitos de consumo e interação com as coisas reais. Com um olhar sensível e um texto bem-humorado, Sax nos mostra a limitação dos apelos da vida exclusivamente digital – e quão promissor é o futuro dos objetos de verdade que estão lá fora.

Send a Comment

Your email address will not be published.

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Gostou do epubr.club? Por favor, espalhe a palavra :)