A Casa Redonda – Louise Erdrich

A Casa Redonda – Louise Erdrich

Num domingo em 1988, Joe Curtis, um menino de 13 anos, descobre que sua mãe foi vitima de um crime brutal na reserva indígena em que vivem, em Dakota do Norte. Ela fica traumatizada apos o ataque e, com medo, se refugia em seu quarto, onde se recusa a falar sobre o que aconteceu. O pai de Joe, um juiz tribal, se empenha em descobrir e processar o criminoso, apesar de todos os problemas legais para fazê-lo. Ao lado de seus melhores amigos, Joe se coloca então em busca de pistas que os levem ate o criminoso, esperando, assim, retomar sua antiga vida. Mas as descobertas o levarão a um caminho perigoso, e Joe, que esta apenas descobrindo o mundo, será obrigado a lidar com difíceis questões morais e emocionais. A casa redonda e um romance sensível, ao mesmo tempo uma historia de mistério e arrependimento, que coloca Louise Erdrich entre as grandes narradoras da literatura norte-americana atual.

A Casa Redonda - Louise ErdrichNum domingo em 1988, Joe Curtis, um menino de 13 anos, descobre que sua mãe foi vitima de um crime brutal na reserva indígena em que vivem, em Dakota do Norte. Ela fica traumatizada apos o ataque e, com medo, se refugia em seu quarto, onde se recusa a falar sobre o que aconteceu. O pai de Joe, um juiz tribal, se empenha em descobrir e processar o criminoso, apesar de todos os problemas legais para fazê-lo. Ao lado de seus melhores amigos, Joe se coloca então em busca de pistas que os levem ate o criminoso, esperando, assim, retomar sua antiga vida. Mas as descobertas o levarão a um caminho perigoso, e Joe, que esta apenas descobrindo o mundo, será obrigado a lidar com difíceis questões morais e emocionais. A casa redonda e um romance sensível, ao mesmo tempo uma historia de mistério e arrependimento, que coloca Louise Erdrich entre as grandes narradoras da literatura norte-americana atual.

1 comentário em “A Casa Redonda – Louise ErdrichAdicione o seu →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *